domingo, 15 de março de 2015

18:29

você olha para o mundo com olhos de um menino, ama com o coração de um rapaz e me protege com a bravura de homem feito…
fiz de você a minha inspiração de dias cinzas quando chove lá fora e fico aqui dentro, sozinha. fiz de você o meu sonho bom que deu na minha vida um tom de azul
compartilhei com você os meus sonhos, os meus medos, as minhas vontades, os meus desejos… compartilho contigo o meu segredo. gosto dessa forma de sermos, gosto do jeito como lidamos com as coisas, gosto de sermos errados, complicados e nossos. nos pertencemos sim, rapaz… de alguma forma. 
ei, não esquece de mim não. vez ou outra, vem pra cá… podemos tomar aquele vinho, falar besteiras e ficar loucos. vamos compartilhar nossas loucuras, nossos desejos e nossos segredos. 
talvez um dia tudo isso vá embora, talvez você vá embora… ou até mesmo eu. mas quero deixar uma marca em você, para de mim assim lembrar e dizer: ”pois é, não há como te esquecer…

Nenhum comentário:

Postar um comentário